Buscar
  • Nina Russo

Estilo na gestação

De uma maneira geral, eu tenho um estilo muito básico, abuso muito de peças em PB, com alguns pontos de cor, e o meu estilo por sí só é oversized.


Resultado ? Eu que normalmente sou uma pessoa tamanho P, compro roupas G, GG, eu sou do tipo que abstrai as etiquetas, que o que vale na hora da compra é o conforto e como aquela peça fica no meu corpo, as únicas coisas justas que uso na vida são bodys, que frequentemente estão nas minhas produções praianas.


Quando se trata de estilo na gravidez, qual é a imagem quem vem na sua cabeça ?

Confesso que eu nunca tinha parado para pensar em "moda gestante", mas na minha cabeça, vem mães com aquelas jardineiras jeans e camisetinha, bem estilo mamãe na fazenda, para quem gosta, maravilhoso, mas absolutamente não é o meu estilo, digo o mesmo de vestidos de malha justos ao corpo, eu sei que as gravidas tem que evidenciar o corpo, mas também não é o meu estilo, odeio coisas pegando.


No ínicio da gestação, eu tive distorção de imagem, depois eu faço um post só sobre isso, mas só para comentar, eu desenvolvi um medo do meu armário, achava que nada ia entrar, e vivia de moletom pra lá e pra cá, até que de repente um dia, resolvi me enfiar em uma calça jeans, e para a minha surpresa ela entrou, e ai comecei a perceber de fato que meu corpo não tinha mudado tanto, que só o peito tinha crescido e que eu ainda entrava nas minhas roupas.


Quando eu estava com quatro meses senti a necessidade de comprar calça de gestante, já que as minhas já não estavam mais confortáveis, e foi ai que fiz a minha primeira e ÚNICA compra de gestante, estou no sétimo mês e não comprei mais nada, aliás não comprei e nem vou comprar.


Não sou o tipo de pessoa consumista, não compro tudo o que vejo pela frente e sou adepta ao estilo minimalista de se vestir, na época que estudava moda, com certeza comprava mais roupas, e com o tempo fui vendo que eu usava basicamente as mesmas peças e que não precisava ter um armário lotado para ter o meu estilo.


Em resumo comprei DUAS PEÇAS, uma legging e um macacão, ambos na cor preta, e uso essas peças TODOS OS DIAS desde que comprei, obviamente que quando a Liz nascer essas peças rapidamente vão ter que ser aposentadas, já que lavo praticamente todos os dias.



As duas peças eu comprei na MammyBelt

https://www.mammybelt.com.br


Como eu disse, meu armário tem muitas peças grandes, então não tive problema em continuar usando minhas roupas.


Aproveito muito essas duas peças coringas, uso elas como um fundo preto, uso com camisetão, malha, blusa de gola alta, jaqueta, regata, camisa, bota, tênis, infinitas possibilidades apenas com essas duas peças.


Claro que tudo vai depender da época que você está gravida, de quanto você quer gastar com roupas para esse período e ocasiões que exigem alguma roupa especifica, no meu caso foram essas duas mesmo e pronto, vou colocar algumas referências do meu estilo, para vocês terem uma ideia de como é.



Agora vou dar algumas dicas importantes


- VÁ A LOJAS ESPECIALIZADAS EM GESTANTES


Não tenha preconceito, você está gravida, e hoje em dia existem muitas lojas com peças maravilhosas, onde você pode usar, durante e também depois da gestação.


- SEU CORPO MUDOU


Acredite, não é porque você está gravida, que pode ir comprar roupas onde sempre comprou só que de um tamanho maior, gravida não é passar do 38 para o 44, a modelagem do corpo muda, e você pode acabar frustrada tentando entrar em uma roupa maior.


- FAÇA BOAS ESCOLHAS


Busque comprar peças chaves e de boa qualidade, porque assim você usa muitas vezes e de diferentes maneiras, não precisa ficar comprando roupa a cada mês.


- NÃO PERCA A SUA IDENTIDADE


Se você gosta de usar roupas brilhosas, ou alfaiataria, ou vestidões, busque peças com essas referências, gravida não precisa se vestir como tal, você mantem o seu estilo e suas roupas são adaptadas ao seu corpo.


- SEJA CONSCIENTE


Não é porque você está gravida que o cropped está liberado e você vai sair pelas ruas da cidade exibindo sua barriga, tem hora pra tudo, se combinar com o seu estilo, com o lugar que você for, vai na fé, mas não saia assim em qualquer lugar.


Acho que é isso, o importante é você buscar se olhar no espelho e se sentir bem, porque é difícil, vai por mim, a gente desenvolve baixa autoestima, a gente demora para entender as mudanças do corpo, se aceitar, tudo é difícil, então se olhar no espelho e se gostar é muito importante!!!

8 visualizações

RECEBA AS NOVIDADES

  • Black Instagram Icon

© 2019 por nina russo